6006

Visualizações

Compartilhar

Adicionar um comentário

Bola Operator II - para quem esta sempre preparado para o pior.

Se você é como eu e esta sempre preparado esperando o lobo, a Operator II é para você. Se você senta em um lugar público sempre de costas para a parede e escaniando todas as redondesas esperando o lobo, essa bolsa é para você.

Quando projetamos a Operator II, inspirada em bolsas já existentes, pensei em como resolver meu problema de portar uma arma de forma a poder sacar quando necessário. A maioria das pochetes comportavam somente a arma e eu não queria levar outras bolsas comigo para outros materiais. queria lago compacto mas que pudesse se ajustar a mim.

O conceito modular já estava arraigado em todos os nossos produtos, e isso por sí só já resolve parte do problema. Então a nova pochete deveria ser modular. Partimos do bolso principal que deveria comportar uma arma grande como a PT100 utilizada apor policiais em todo o Brasil. Ah mas a PT 100 é uma arma muito grande para porte dirão os "especialistas". Amigo, boa para porte é a que você tem e sabe usar o resto é história da carochinha. Conheça a arma que você esta utilizando, domine ela, se ela tiver problema de funcionamento concerte, troque. Esse negócio de arma falhar na hora "H" não é culpa só da arma e sim do operador. É como um carro, se você não fizer a manutenção e não conhecer seu carro ele vai te deixar na mão no meio da via. Não estou dizendo que não possa acontecer. lembre-se "Merdas acontecem" mas a probabilidade de isso acontecer se você ficar atento e conhecer sua arma diminui consideravelmente.

E você deveria fazer isso pois deveria ter em mente que se a Taurus é uma bosta como falam e você só tem ela pra portar, seu cuidado com ela deveria ser redobrado não acha? Não adianta depois culpar a empresa, pois você poderá estar morto. Tive tauros a minha vida toda e nunca passei por isso mas a discussão aqui não é sobre a Taurus e sim sobre portar uma arma.

Como disse, o bolso principal deveria comportar a PT100 e que ela ficasse quase em posição sul facilitando o saque, porem ela é muito grande para isso, então tivemos de adaptar. Fizemos o melhor possível para que o saque não ficasse prejudicado. Colocamos então um velcro interno de forma que você possa regular o coldre da forma que melhor lhe convier. Junto a ele colocamos um porta carregador para o reserva. 

Pronto. O bolso principal estava definido e era essa sua função, comportar a arma que eu tenho no momento e que será minha defesa.

Próxima parte definir os bolsos. 

Levo comigo documentos, uma algema, gás pimenta e outros acessórios e preciso de compartimentos para isso. Projetamos então um bolso frontal que pode ser substituído pois a frente do bolso principal é em sistema MOLLE. Esse bolso também é MOLLE na frente de forma a poder colocar outro bolso se esse não for suficiente. Nesse bolsos posso levar esses acessórios que desejo e preciso para meu dia-a-dia.

Ficou sobrando as laterias que poderiam comportar outros bolsos pequenos para um kit primeiro socorros e quem sabe celular, lanterna e baterias reserva. Colocamos esses dois bolsos e ficaram bem equilibrados dando até uma aparência muito bacana a bolsa.

Pontuação
  • Design
  • Qualidade
  • Portabilidade
  • Capacidade
  • Saque
  • Performance
  • utilidade
Sumário:

treine o saque com a Operator II em stand antes de usar. Sinta a bolsa, e as possíveis dificuldades com alças que você possa encontar .

Muito Bom

Todo equipamento que você se dispuzer a usar em seu dia-a-dia, voc~e deve conhecer a fundo d emaneira a ajudar a resolver um problema e não aumentar.

Fabricamos produtos sempre pensando na funcionalidade e durabilidade. Sempre treine usando a bolsa como meio de portar sua arma. saque, treine, atire, veja as dificuldades que você enfrentará e se prepare. Não deixe isso para quando a ameaça surgir. Você deve ser superior a ela.

Lute ou morra

Tudo isso necessita ser carregado, então começamos imaginas nas possibilidade. 

Colocamos uma fita de 40mm para ser utilizada na cintura. Essa mesma fita pode ser retirada e utilizada nos suportes superiores como bolsa transversal adicionando praticidade a Operator II. Na parte traseira da bolsa, colocamos um sistema MOLLE, pois poderia ser usada como um IFAk caso seja necessário e adicionar essa bolsa a outra plataforma MOLLE como o Cinto Modular Fenrir como podem ver no Review abaixo Feito por um dos maiores nomes do sobrevivêncialismo brasileiro Marcio batata.

Então você pode anexar ela a outras plataforma e melhorar ainda mais seu desempenho. Colocamos  Uma alça de mão fixada a frente com um mosquetão de 25mm. Essa fita permite então que seja carregada na mão e o mosquetão da suporte ao restante dos bolsos se estiver muito carregado.

Espero que tenham entendido o conceito dessa bolsa e como ela foi construída e que ela lhe traga segurança em seu dia-a-dia.

Sempre pronto
Written by Samuel formento

CEO Warfare - Live By The Code - Ex Policial Militar - Ex Militar exercito - Um sobrevivênte como você.

Comentários
Sobre nós

Nós somos uma empresa orgulhosa do que faz e para quem faz. Continuamos motivados a inovar para oferece sempre o melhor aos policias  e entusiastas. Encontre nessas páginas o seu motivo para se orgulhar também.

Fale conosco
Rua Agua Branca 530 - 1º andar CEP:89032-150 Blumenau/SC
Newsletter